Eletrocautério (“jato de plasma”)

O eletrocautério (que é diferente do jato de plasma, mas muitos tratam como sinônimo) consiste em um equipamento que possui descarga de energia elétrica baixa e controlada para remoção superficial de pigmentos endógenos melânicos(melanina), que dão cor a pele, bem como também a remoção de pigmentos exógenos presentes em maquiagem definitiva decorrente da técnica de micropigmentação de sobrancelhas, olhos e bocas. Além disso, pode ser empregada na área estética em remoção da pele hiperqueratinizada nos casos de curetagem, rejuvenescimento facial(tratamento de rugas e linhas), tratamento de estrias e indução do processo cicatricial da pele. O Despigmentador baseia-se na cauterização de tecidos pela passagem de corrente elétrica na pele levando a diferentes benefícios:

1- Despigmentação da pele (removendo manchas /melanoses solares e de micropigmentação);

2- Pigmentação em casos de leucodermias (manchas brancas da pele decorrente do excesso de exposição solar);

3- Curetagem (remoção superficial de pele) em procedimentos estéticos para limpeza superficial da pele;

4- Rejuvenescimento Facial (tratamento de rugas e linhas): indução do processo inflamatório e cicatricial gerando aumento de colágeno na pele;

5- Tratamento de estrias e cicatrizes: indução do processo inflamatório e cicatricial com consequente restruturação das fibras de colágeno na pele;

6- Remoção de verrugas;

7- Blefaroplastia sem cortes.

O nosso equipamento também possui uma aplicação de luz de comprimento de onda em 660nm (vermelho) para bioestimulação através da fototerapia a LED com o objetivo de acelerar o processo cicatricial causada pela eletrocauterização. A luz vermelha induz o aumento da quantidade de fibroblastos que são as células precursoras das biomoléculas como colágeno, elastina, proteoglicanas entre outras que compõe a derme acelerando a restruturação da pele.

Eletrocautério (“jato de plasma”)